sábado, 16 de novembro de 2013

Função dos oxidantes

Parte do propósito deste blog é o de esclarecer em alguns casos, mais aprofundadamente o porquê de determinados produtos terem alguma composição, outros alguns resultados, outros as suas vantagens, etc.

No caso dos oxidantes, a sua ação é a de facilitar a penetração da coloração nas diversas camadas de cutícula do cabelo com o objetivo de colorir ou descolorar o cabelo.
Para isso, existem diversas volumagens em que no caso da coloração permanente (vulgamente conhecida por tinta) são utilizadas as 10, 20, 30 e 40 volumes.

Os oxidantes para funcionarem corretamente, baseiam-se por um lado na sua estabilidade, para garantir uma regularidade ao longo de todo o trabalho técnico e por outro lado na percentagem de oxigénio que contêm. Assim, desde que estas condições estejam garantidas, qualquer coloração funcionará com qualquer oxidante, salvaguardando situações muito particulares por exemplo para potenciar os acajús, etc.

O oxidante de 10Volumes (3%) é usado para reforçar a estabilidade do tom em termos do tempo, tem tendência para um ligeiro escurecimento do resultado final mas que é compensado com maior resistência do pigmento às lavagens e com excelente cobertura dos cabelos brancos.
O oxidante de 20Volumes (6%) é o mais utilizado, serve para cobrir perfeitamente os cabelos brancos. Existe pouca alteração do trabalho final relativamente ao tom base escolhido em termos da carta de cores.
O oxidante de 30Volumes (9%) serve para abertura da cor entre 1 a 3 tons
O oxidante de 40Volumes (12%) serve para abertura da cor entre 2 e 4 tons.
Esta abertura da cor é variável de marca para marca e depende sempre do tom base do cliente e da mistura que se está a realizar.
É importante salientar que quanto maior a volumagem, maior a rapidez do resultado mas também a sensibilização do cabelo.

Detalhes importante a considerar:
-o tom que o usuário tem e o que pretende conseguir, existem determinadas misturas que muito difícilmente serão conseguidas de acordo com as leis da colorometria
-Tempo de pose
-Grau de sensibilização do cabelo
-Quantidades corretas da mistura da tinta e do oxidante (normalmente 1+1 ou 1+1,5)* com efeitos de cobertura e matização

* 1+1 e 1+1,5 e outras, corresponde à mistura de tinta e de oxidante indicados pelo fabricante.
Exemplo 1+1,5: tubo de 60ml de tinta + 90ml de oxidante

Nota: o resultado final da coloração e concretamente a cobertura de brancas, dependem além da qualidade da tinta, do tempo de pose e do fator orgânico, ou seja o tipo de resistência de cada cabelo ao trabalho técnico e a temperatura corporal/temperatura ambiente.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Obrigado por partilhar a sua opinião.