domingo, 28 de julho de 2013

Cabelo cosido em banda

Um dos sistemas de extensões com grande procura atualmente no mercado são as extensões de banda ou de cabelo cosido

São  várias as formas de aplicar este produto, contudo antes das aplicações mais comuns, algumas questões prévias.

1 - Recordemos que o cabelo tipo europeu cresce 1cm por mês enquanto que o afro, 1 cm cada 4 meses.
2 - Dependendo do tipo de cabelo que se aplica (indiano, chinês, asiático, descamado, não descamado) a quantidade necessária e as manutenções e tratamentos diferem.
3 - Também importante ao comprar o cabelo é saber se a tecedura foi realizada à máquina ou à mão pois se for necessário cortá-la para adequar mais facilmente ao contorno da cabeça do cliente, a que foi preparada à mão pode desmanchar-se.

Por outro lado, ao escolher devemos tentar responder o máximo possível a estas necessidades:
- Qual o cabelo que o utilizador tem? Qual o resultado pretendido? Por quanto tempo?


Tipo de aplicação 1
- Fazer uma trança muito fina com o cabelo do cliente e depois com uma linha ligeiramente elástica, coser a banda à trança (método italiano ou brasileiro), normalmente só utilizado nos individuos afros pois o seu cabelo é suficiente duro e resistente para aguentar um trabalho duradouro e sem necessidade de muita manutenção, permitindo também que a banda fique muito perto do couro cabeludo.

Tipo de aplicação 2
- Com anilhas (também conhecidos por cilindros, agrafes) em que o cabelo do cliente está solto e depois selecionamos uma pequena madeixa da extensão (aqui depois haverá várias formas e posições para aplicação). Aqui algumas empresas vendem também uma cola que apesar de lhe chamarem queratina é uma cola tradicional tipo de marceneiro, siliconada, cujo objetivo é manter durante algum tempo a banda na mesma posição e assim poder prosseguir com a aplicação da banda. Eu não utilizo cola mas bicos de pato e molas pois o objetivo é manter o cabelo e a banda fixas o tempo suficiente para a aplicação das anilhas até que a aplicação consiga segurar a banda. Apesar de tudo este parece-me o metodo mais adequado para o cabelo europeu pois de acordo com a forma como se aplica pode ser realizada a manutenção com alguma rapidez e frequência, sem ter que retirar a banda fora.

Nota: Recordo-me que há uns anos apareceu uma empresa "milagrosa" que usava algo semelhante a super cola em vez da cola siliconada e das anilhas.


Tipo de aplicação 3
- Com molas tipo tic-tac, em que tanto se podem comprar à parte ou já aplicadas nas bandas, existindo vários tamanhos de largura de bandas para facilitar o trabalho. 
Podem ser visualizados mais 2 exemplos nestes links Free Look e Free Extension.
Este método é particularmente interessante para cabelos muito finos (a mola necessita de muito pouco cabelo) e quando se pretende um alongamento ou volume de muito pouca duração, ex: passagens de modelos, penteado de noite ou de noiva, alongamento para uma festa. 




Fonte: Capel-lo

Sem comentários:

Publicar um comentário

Obrigado por partilhar a sua opinião.